A bad hair day

Como eu já comentei aqui no blog, minha adorável irmã é a vlogueira mirim mais chata que existe e tem um canal sobre cabelo. A coisinha se acha a expert no assunto e vive querendo se meter no meu visual.

Acontece que eu tenho personalidade e não é qualquer um que dita como eu me visto ou que penteado eu faço. Só minha mãe… – beijo, mãe! 😬😘

Minha suprema rainha do Universo leva Pestinha e eu ao salão que ela frequenta. Lá, ela manda e desmanda. É o território dela. A cabeleireira faz o corte exatamente como ela determina.

Um dia lá no “Bosque” (minha escola), eu fui zoado pelo Carlos e o Roberto.

– Ihhhhh, filhinho da mamãe… Corta o cabelo em salão de mulher – disse o Roberto. – Vai fazer videozinho com a sua irmã?

– Cara, homem vai ao barbeiro. Barbeiro! – completou o Carlos.

Foi uma pilha danada! Fiquei revolt! Decidi então, num ato impensado, aparar o ninho de rato no barbeiro modinha aqui da cidade.

Entrei no estabelecimento e me senti em casa. Nenhuma menina! Nenhuma manicure fofocando sobre a novela. Nada de mulheres falando sobre as pernas dos jogadores de futebol, ou sobre o artista boa pinta. Era um ambiente mulherzinha-free.

Os pôsteres nas paredes, a decoração bruta e o cabeleireiro tatuado demonstravam que minha mãe não mandava ali.

Peguei uma revista enquanto aguardava a minha vez. Era relaxante ler sobre como solucionar o entupimento do carburador do fusca 66, ao invés de “Seque a barriga chupando limão” ou ” Como fazer seu namorado cair de quatro”. Entretido com o jogaço que passava na TV ( Macacuense do Norte X Pinheirama) nem percebi quando fui convocado a sentar na cadeira do barbeiro tatuado com cara de mau.

– Como vai ser, meu jovem? – perguntou sem firula.

– Mestre, tá vendo essa parte aqui no topo da cabeça, – mexi no ninho volumoso que se destacava no meu cocoruto – então, eu quero “baixar” tudo.

Crente que eu tinha sido claro no meu pedido e totalmente compreendido, fechei os olhos e só abri quando o tatuado mal encarado terminou o corte.

– E aí, jovem… Gostou?

Foi então que eu entendi o porquê do cara parecer que chupou um limão para secar a barriga e ostentar uma fuça de desencorajar qualquer reclamação.

– Mu- mu- mui-to! 😬😒

Simplesmente, ele tinha passado a máquina na minha cabeça quase toda, estilo degradê, e deixado apenas uma franja comprida na parte frontal do cocoruto. Ainda por cima, afinou minha costeleta! Eu parecia uma calopsita metrossexual.

Saí do barbeiro rezando para que minha mãe não estivesse em TPM. Senão ela me mataria!

Quando cheguei em casa a reação foi justamente a que eu esperava. Minha mãezinha querida, Deusa do Olimpo, Senhora de Toda a Razão quase teve um treco. Ficou muito.. muito.. muito pistola (vocês não tem ideia!).

Ouvi por mais de uma semana! Toda vez que eu aparecia e a lembrava da minha existência e do meu “bom gosto capilar”, lá vinha sermão.

Obviamente que também fui zoado pelos meus amigos na escola e pela criatura maligna que não pode ser nomeada (ela mesma!).

Isso ocorreu tem uns dois meses. Infelizmente, um jogador do Brasil com o seu penteado polêmico fez minha mãe se lembrar desse meu cabelo farofado e toma-lhe novas chamadas.

Aprendi a lição: nunca mais deixarei um barbeiro tatuado com cara de poucos amigos colocar a mão no meu cabelo! 🙃

E vocês, cuidam do cabelo? Comentem aí!

P. S. Rapidinhas da Copa:

1- O que foi esse jogo do Brasil e Sérvia?! Parecia que os jogadores brasileiros eram Hobbits. 😳😳

2- Em ritmo de Copa na Rússia minha mãe decidiu fazer uma receita de strogonoff russo. Sentamos à mesa para almoçar e logo depois da primeira garfada começaram as caretas disfarçadas. Meu pai não aguentou e perguntou se o estrogonofe russo era doce. Minha mãe toda sem graça e eu quietinho. Na verdade, fui ajudar na cozinha e acabei adicionando por engano um chantilly com açúcar que ela havia separado para a sobremesa. Quando descobri que eu tinha vacilado fiquei na minha… Vai que ninguém percebesse. 😬

3- Andei sumido porque eu estava em provas. Meu colégio, “O Bosque” foi fundado por um imigrante alemão. Não preciso explicar mais nada para justificar a marcação de avaliações em plena Copa. 🤔😒

25 comentários sobre “A bad hair day

  1. Barbara Artagao

    Ri demais! Me lembrou muito uma ocasião em que meus netos resolveram ir ao barbeiro e selecionar cortes, sem a supervisão da Mommy… Quando olhou para a cara dos rebentos, ela se tornou a oitava besta do Apocalipse e baixaram nela no mínimo dez exus malignos … a bronca foi ouvida num raio de 10 km., durante uma eternidade…. Vixe!!!!! Que cena! 😂😂😂😂 Inesquecível! 😱😱😱😱😱😱😱😱😱😱

    Curtido por 1 pessoa

  2. Tiana Menezes

    Muito bom! Me lembrou uma vez que o menino do meu lado , num cabeleireiro unissex, cortou o cabelo farto, lindo! Pediu máquina três. Ficou ótimo! Ele adorou!Mas, de repente, o cabeleireiro se distraiu e resvalou a máquina na cabeça do menino e fez um enorme rombo. Até hoje lembro do choro desesperado… Imagino você, calopsita, com seu penacho…

    Curtido por 1 pessoa

  3. Nossa, isso me lembra quando eu fiz a mesma coisa num cabeleireiro próprio pra cabelo afro do meu quarteirão!!!! A moça decidiu do nada cortar o meu cabelo “joãozinho”… Até ficou bonito, parecia o corte da Rihanna, mas quando começou a crescer, parecia o da Dilma… Agora eu só aparo as pontas mesmo!!! É uma sorte cabelo crescer de novo!!!!

    Curtido por 1 pessoa

  4. Faltou a foto do seu corte de cabelo para os leitores rirem também hahahaha Mas não liga não: quem nunca passou por um cabeleireiro ruim que atire a primeira pedra. Minha dica pra você é sempre procurar uma foto de um corte legal para mostrar ao cabeleireiro. Não é garantia que vai ficar igual a da foto, mas é mais fácil de explicar o que você quer e evitar um corte muuuuito ruim,.,,

    Curtido por 2 pessoas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s