Legumemaníaco…

Hoje rola de novo a “sessão desabafo”.

Ok, eu não sou a pessoa mais FIT e também a que só come certinho, mas não é justo pegarem no meu pé assim.

Como quase todo mundo da minha idade, não sou lá chegado a verduras e legumes. No hambúrguer, no máximo alface e tomate disfarçados com muito catchup; na pizza, cato mesmo a cobertura que não gosto; na comida tento várias técnicas para disfarçar o sabor ou esconder que eu não comi (geralmente técnicas usadas quando visito alguém e fico sem graça de dizer que não gosto daquilo que serviram). Seguem algumas preciosidades:

1) Se der para colocar a verdura/legume no canto do prato e esconder com o braço tá valendo. Aqui também pode ser usado o truque do guardanapo que é mais efetivo. Mas só se for de papel (use vários). Se for de tecido, quando o dono da casa resolver lavar o guardanapo bordado que herdou da avó dele e para isso desembrulhar o pacotinho que foi fechado cuidadosamente para não deixar escapar nenhum pedacinho escondido de vagem ou couve-flor, vai levar um tremendo susto e, ainda ficará danado da vida por ter tido a sua máquina de lavar roupas transformada em uma pequena horta.

2) Se tiver cachorrinho na casa, o melhor para não ser descoberto é agradar o doguinho, passando por baixo da mesa aquilo que você só comeria muito, muito, muito obrigado e que ele apreciará com satisfação. Só periga o doguinho te denunciar toda vez que você voltar para uma nova visita ao demonstrar uma alegria gigantesca quando te ver.

3) Você pode invocar alguma alergia. Ninguém vai pagar para ver!

4) Se for impossível usar uma das três técnicas acima, neste caso, o melhor é cortar o legume/verdura em pedaços pequenininhos e misturar (tipo cimento) com coisas que você goste. Essa opção nem sempre dá certo porque às vezes o tiro sai pela culatra. Ou seja, em vez de contaminar o que é ruim com o bom, o gostoso é que acaba ficando com um sabor horrível. É o que ocorre quando se mistura batata com brócolis (não tentem em casa!).

Mas nada disso adianta quando a visita é do meu tio Henrique. Quando é ele quem resolve aparecer por aqui.

Meu tio é daqueles que pega no pé. Belisca, implica, faz piada e é mandão! A filha dele, minha priminha, tem 4 anos e desde 1 ano e pouco já comia de tudo… de tudo mesmo. Ela preferia tomate picado ao invés de fandangos! Recusava batata frita e comia rúcula! Que criança faz isso?!? 😳😳

Toda vez que ele vem me chama de “fresco” e me obriga a comer todos os legumes e verduras postos à mesa, quase os enfiando (literalmente) na minha boca. Se algum dia eu “colocar tudo para fora” a responsabilidade não será minha – que isso fique bem claro!!! Estou sofrendo um verdadeiro bullying dentro da minha própria família.

Para piorar a Pestinha que não é boba nem nada aproveita esses encontros familiares para demonstrar como come de tudo, e aí, ela e minha priminha ficam parecendo dois coelhos de tantas hortaliças que colocam no prato.

Eu sei que tenho limitações, mas quem não as tem?!

E vocês, comem de tudo? Tem alguma comida que não desce de jeito algum? Já passaram aperto na casa de amigos? Tem técnicas próprias? Comentem aí…

12 comentários sobre “Legumemaníaco…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s