O que dá mais medo…

Medo. Substantivo masculino. Temor, receio.

Quem não curte ver um filme de terror com os amigos, né? Na companhia dos outros e por causa da pilha, a gente toma coragem para ver os filmes mais aterrorizantes. Depois, você que se vire para ir ao banheiro, buscar um copo d’água, olhar no espelho e dormir sozinho. Dependendo do filme, as cenas ficam voltando à mente e demora um tempão para esquecermos e pensarmos em outro assunto.

O Felipe curte filmes de terror. Eu até gosto também, mas assumo que quando é terror sobrenatural eu me borro! Assisto com um olho aberto e outro fechado.

Pois ontem à noite, o Felipe e a Carol vieram aqui em casa. Resolvemos ver um filme e ele logo escolheu “Insidious” ou em português, sobrenatural. Fizemos pipoca e sentamos nós 3 no sofá da sala, com as luzes apagadas para criar um clima. Que filme sinistro! Eu tentava disfarçar me escondendo atrás do balde de pipoca, mas ao mesmo tempo não queria que a Carol percebesse que eu estava tenso. Para quem não viu (e eu não vou dar spoiler) a família se muda para uma nova casa e um dos filhos sofre um acidente e entra em coma, e aí um monte de coisas sinistras começa a acontecer. É cada susto!

A gente sabe que é ficção e tal, que são atores, mas, eu é que não me meto com essas coisas e nem brinco com o que não conheço. E se o filme é baseado em histórias reais, aí ferrou de vez! Até esquecer o assunto eu aceito inclusive a companhia da minha irmãzinha querida. ”

“Fazemos qualquer negócio” para não ficar sozinho!

Mas não tem nada mais assustador do que telefonema da mãe. Caramba! Eu já atendi a minha “de boa” várias vezes, e ao invés de “oi meu filho, tudo bem?”, levei uma tremenda bronca… daquelas que quem está perto consegue ouvir tudinho e mata a gente de vergonha, por coisa que eu já tinha até feito e esquecido (passado é passado, né!?). Bronca deveria ter prazo de validade igual a iogurte! 😬😬😬

Agora, “a hora do pesadelo” mesmo, era quando eu levava ocorrência na escola e tinha que apresentar em casa para meus pais assinarem. Nossasinhora!

Teve uma época deste ano que eu levei ocorrência quase toda a semana por esquecer o dever de casa, ou não anotar a aula – já comentei no blog que sou meio esquecido e desatento graças ao TDAH – e aí, quando isso ocorria, eu já voltava para casa tenso pelo tanto que  escutaria e pelos castigos que levaria. Era o caminho de volta todinho pensando em como eu contaria. Verdadeiro terror! Cheguei a ficar sem celular, sem Netflix e sem videogame ao mesmo tempo. Eu não tinha mais nada para perder… só as cuecas. Pior, que nem consideraram que conviver com a Pestinha já superava todos os castigos possíveis e imagináveis.

Pois é, não é à toa que o nome do blog é “minha nada fácil vida”. 😉

E vocês, curtem filmes de terror? Assistem mesmo com medo? Ou tem outras coisas que acham mais assustadoras? Comentem aí…

P.S.1 – imagem do tamezuando.com.br

P.S.2 – imagem do blog gumball depressivo, editada.

P.S.3 – resolvi o problema das ocorrências com o “calendário das ocorrências”. Funcionava assim, toda a semana que eu completava sem levar uma anotação, ganhava no sábado um pacotão de Doritos. 😋

9 comentários sobre “O que dá mais medo…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s